C3 – Curtir, Criar, Capacitar

Muito obrigado pelo seu contributo. Este projeto já se encontra financiado a 100% devido ao envolvimento da sociedade civil.
Contudo, encontram-se ainda em aberto outros projetos a necessitarem da sua generosidade, pelo que ainda tem possibilidade de poder contribuir para outra causa através do NOVO BANCO Crowdfunding.
Instituição: 
Objetivo: 
5 000 €
Terminado a: 
28/07/2017
Localização: 
Lisboa, Portugal

Sobre o projeto

O video da campanha tem legendas em várias línguas, ativem-nas!
~ Turn on the subtitles ~ Actives les sous-titres ~ Activa los subtítulos ~ Attiva i sottotitoli ~


 [Para saber sobre a campanha em outras línguas:
 English: https://goo.gl/Ct1ift
 Français: https://goo.gl/kLxsSV
 Italiano: https://goo.gl/z5fheh ]


 

Com a implicação da comunidade em todo o processo, promovendo a cidadania activa, a capacidade de auto-organização e a procura colectiva de soluções através de aprendizagens positivas entre pares e da capacitação em diversas áreas identificadas como de interesse e com potencial para a população, pretende-se contribuir para uma maior coesão social e territorial, dotando o bairro com novas valências que lhe venham a dar uma maior centralidade na cidade, renovando a sua imagem e, acima de tudo, contribuir para a melhoria das condições de vida da sua população.

O C3 – Centro Comunitário da Curraleira vai estar dotado das seguintes valências:
1 – Estúdio de produção multimédia;
2 – Sede das Web Rádios do Clube e Curra FM;
3 – Espaço Cowork;
4 – Espaço Jovem;
5 – Salas de formação.

Este projeto foi financiado pelo Programa BIP ZIP (edição de 2016) da Câmara Municipal de Lisboa e graças a este programa e a ajuda de apoiantes do crowdfunding o C3 vai se tornar realidade.


 

O C3 – Curtir, Criar, Capacitar é uma campanha que tem como objetivo contribuir para edificar o C3 – Centro Comunitário da Curraleira, o sonho de um grupo informal de jovens residentes num Bairro considerado de Intervenção Prioritária pela Câmara Municipal de Lisboa (o empreendimento municipal da Rua João Nascimento Costa – BIP 57). O Centro Comunitário da Curraleira vai tornar-se realidade, depois da aprovação de um financiamento de 50.000€, na sequência da sua candidatura ao programa BIP/ZIP Lisboa 2016 (Programa da Câmara Municipal de Lisboa) apresentada pelo Clube Intercultural Europeu.

Trata-se de um projeto que conta com a parceria com a:
Junta de Freguesia do Beato; Associação de moradores/as Viver Melhor Beato; ARQCOOP; Santa Casa da Misericórdia; Fundação Aga Khan (Programa EIK Cidade); Grupo informal de jovens; Cemea Rhônes Alpes; Cemea Nord-Pas de Calais.

Ainda assim, esse montante não é suficiente, tendo em conta a necessidade não só de reabilitar o espaço devoluto cedido pela CML (o Centro Comunitário da Curraleira vai nascer no lote 2 da Rua Almirante Sarmento Rodrigues), como também de o equipar com valências como uma sala de atividades para jovens e iniciativas intergeracionais, estúdio de som e multimédia, espaço de cowork e formação. Com o C3 – Curtir, Criar, Capacitar convidamos a contribuir para a causa destes jovens e assim ajudar a construir o Centro Comunitário da Curraleira, permitindo participação, capacitação, impacto económico, desenvolvimento, valorização e abertura do Bairro.

Sobre Clube Intercultural Europeu

O Clube Intercultural Europeu (Clube) é uma associação sem fins lucrativos. Criada em 1998, baseia a sua ação na área de Lisboa (Portugal), nos campos da juventude, da educação e da formação e do desenvolvimento local. Regendo-se por valores e princípios que acredita serem pilares da sociedade (tais como a democracia, os direitos humanos, a solidariedade, a interculturalidade, o respeito, a igualdade e a valorização pelas diferenças), desde a sua criação o Clube tem desenvolvido, diretamente e/ou através de parcerias, várias atividades com crianças, jovens e adultos, em três grandes áreas de intervenção:

  • Projetos socioeducativos territorializados;
  • Mobilidade europeia para fins de aprendizagem;
  • Iniciativas com métodos de educação ativa.

Em novembro de 2014, o CLUBE tornou-se a entidade gestora do projeto de intervenção socioeducativa Sementes a Crescer, promovido pela Junta de Freguesia do Beato e financiado pelo programa Escolhas do Alto Comissariado para as Migrações. Intervindo junto de crianças e jovens em situação de vulnerabilidade socioeconómica, este projeto está sediado na Freguesia do Beato, e atende, há mais de 16 anos, às necessidades da população local, através de um espaço para a comunidade e de técnicos que prestam apoio na procura de soluções sociais, educativas, económicas, laborais e/ou formativas. A Junta Freguesia do Beato atribuiu ao Clube o prémio Cidadania instituição do ano 2016.

Orçamento e prazos

Esta campanha destina-se à aquisição de material de construção e de isolamento do estúdio de som e multimédia que se pretende montar no âmbito do Centro Comunitário da Curraleira – C3. A verba disponível é insuficiente para que se crie um estúdio com os mínimos de qualidade pretendida, inclusive porque o território tem já artistas (re)conhecidos mas também um crescente potencial na área da música.

O objectivo do isolamento acústico é de impedir a entrada e saída de ruído ambiente e a adequação e igual distribuição sonora no espaço. Damos como exemplo paredes de alvenaria, betão, chapas metálicas, vidros laminados ou então o uso de sistemas de paredes duplas; espumas acústicas incombustíveis, forros minerais, painéis de madeira perfurados.

Todos estes materiais têm um custo considerável e que varia consoante a qualidade dos mesmos. Assim, de forma a se adquirir material de maior qualidade, tanto de isolamento como de condicionamento acústico, surge esta campanha de Crowdfunding.

Todas as faturas das compras ficarão à disposição dos/as doadores/as.

Imagens