REKLUSA – loja e atelier das amoreiras revela-se um verdadeiro sucesso de ocupação e integração social.

A loja e atelier da Associação REKLUSA, na Rua das Amoreiras, já é uma realidade. A cooperação da plataforma on line NOVO BANCO Crowdfunding, possibilitou à Associação REKLUSA angariar a verba necessária para reforçar a sua missão no apoio à reinserção, integração social e profissional da população reclusa e ex-reclusa.

O espaço da nova loja, inaugurada em novembro de 2013, com uma área de 80m2, foi cedido pela Câmara Municipal de Lisboa, necessitando contudo de obras, pelo que a IPSS recorreu ao NOVO BANCO Crowdfunding, tendo conseguido angariar o valor necessário para a sua remodelação através da plataforma on line de fundraising social.

Para a REKLUSA, o NOVO BANCO Crowdfunding foi muito importante devido à necessidade de um financiamento urgente e de curto prazo. Permitiu realizar o processo de financiamento para a conclusão do projeto de remodelação da loja/sede. Foi uma alternativa de financiamento colaborativo que contou com a ajuda da sociedade civil para doações anónimas através da Internet.

Inês Seabra, Presidente da Associação Projecto Reklusa

Com a abertura da loja e tendo somente em conta os produtos comercializados na mesma, verificou-se um aumento de vendas na ordem dos 36 000 euros, durante o ano de 2014. Desde então a IPSS tem mantido ocupada, em média, cerca de 20 reclusas do estabelecimento prisional de Tires e 5 do estabelecimento prisional de Santa Cruz do Bispo, para além das duas ex-reclusas que se encontram atualmente a trabalhar no atelier junto à loja. A abertura deste estabelecimento já contribuiu para a integração socioprofissional destas duas ex-reclusas bem como das suas famílias e filhos (no seu percurso de formação), encontrando-se estipulado, até ao final do ano em curso, a integração de mais três ex-reclusas.

Para mim foi fácil entrar na vida profissional, entrei quase de imediatamente para o projeto, ajudou-me em tudo, a integrar na sociedade, na vida profissional, familiar, pessoal, saúde …

Liliana (ex-reclusa)

Os produtos comercializados e fabricados pelas reclusas e ex-reclusas são dos mais variados, desde colares, malas, carteiras e outros acessórios de moda com um design verdadeiramente original e criativo.

A abertura da Loja REKLUSA foi sem dúvida um marco e um elo fundamental para a missão da associação, uma vez que possibilitou conceder uma grande visibilidade à marca, contribuir de forma significativa para o incremento das vendas, gerar novas oportunidades de emprego para ex-reclusas, aumentar a produção e o número de colaboradoras nos estabelecimentos prisionais. Possibilitou ainda dar a conhecer o trabalho da associação a um grande número de pessoas que visitam a loja diariamente, sendo a grande montra do trabalho excetuado por esta IPSS.  

Para mais informações consulte:

http://www.reklusa.com
https://novobancocrowdfunding.ppl.pt/pt/prj/nova-casa-da-reklusa